Lilypie Kids Birthday tickers Lilypie Fifth Birthday tickers

outubro 06, 2009

Regabofe na Sala de Aulas

Eu é que não queria ser Prof. deles...

A escola da D.Rf continua a correr bem. Ela adaptou-se lindamente e gosta muito de lá estar, já tem as amiguinda dela e tudo. Só há uma problema, a Prof. envia todos os fins de semana uma folha onde aponta o comportamento diários deles (bom - bolinha verde, mais ou menos - bolinha amarela, mau - bolinha vermelha e muito mau - bolinha castanha), a D.Rf tem muita dificuldade em estar calada, tal como a sua irmãzinha D.Rn, são duas tagarelas do melhor. A Prof. já tinha dito que tem muita dificuldade em mantê-los calados, a todos, acho que só uma das meninas é a mais tímida e por isso a mais calada. Até já experimentou sentar meninas com meninos (eles entre eles, e nesta idade, não gostam muito de confratenizar) e mesmo assim não resultou porque falam de carteira para carteira.

A D.Rf na primeira semana teve o seguinte conjunto de bolinhas: amarelo, vermelho, vermelho, verde e verde (dois verdes graças a lavagem cerebral que lhe fiz a meio da semana). Na semana passada: amarelo, amarelo, verde, verde e amarelo. A lavagem cerebral que lhe fizemos foi tal que houve um dos dias que chorou porque não queria ir para a escola porque tinha medo de não ter bolinha verde. Abrandei um pouco a lavagem cerebral porque reparei que ela estava a ficar traumatizada.

A semana passada o meu pai encontrou a Prof. dela na rua e ela disse-lhe que até já lhe tinha dado uma bolinha verde porque via o esforço enorme que ela fazia para não falar.

Coitada, ela está a esforçar-se mas não está fácil. Faço ideia da dificuldade que não é, estar calado quando estava habituada a passar o dia todo a matraquear, ainda por cima com os outros a dispararem perguntas por tudo e por nada. Já lhe disse para não lhes responder mas acredito que não seja fácil...

Vós que sois Profs. tendes algum conselho???

12 comentários:

Gi disse...

Eu andei desde o 1º ano ao 12º ano deles a ouvir sempre que as turmas eram muito mal comportadas e patati patatá; os meus nunca deixaram de ser bons alunos e nunca foram calados e, muitas vezes, interventivos demais, deixando os professores calados por não saberem o que lhes responder.
Há-de ser sempre assim, Rita.
Espera, isso sim, que ela seja sempre tão curiosa como é, apesar do comportamento (pelo menos a partir do 2º ciclo contar para nota).

Blue Angel disse...

Deve ser mesmo muito dificil....
é passar de uma altura em que falam á vontade, á hora que querem para o terem de estar em SILÊNCIO....
Mas é tudo uma questão de hábitos!!!

Beijos

João disse...

Deixa-na falar :)
Dever ser o maximo miudos de 6 anso na tagarelice....:)

Patti disse...

É até se adaptar e depois vais ver que fica mais calma e menos faladora. Tem tempo e calma, faz-lhe ver que se fala, não aprende e depois tem bolinhas vermelhas nos testes!

Shakti disse...

Sabes ...é complicado manter uma criança de 6 anos sossegada tantas horas na sala de aula...daí existirem imensas estratégias para conseguir cativar um primeiro ano...mas isso a professora deve saber(supomos que sim...)...quando nada resulta por muito que nos custe(professores),devemos tornar-nos mais ríspidos com os miúdos, tentado sempre dar e tirar...as lavagens cerebrais em casa são comuns,mas não dês demasiada importância até porque quando ralhas com ela em casa não dizes para a professora a castigar...
Das poucas coisas que te posso dizer,até porque estou nos dois lados é ...vai falando com ela , responsabiliza-a para a escola,mas muito soft,afinal tem 6 anos...e deixa que a professora irá arranjar uma boa estratégia !!

bj

Sónia disse...

Eu sei como é!!

Tb sou tagarela! Era a queixa principal!!

Ainda hoje sou:))

sonia disse...

Eu tinha todos os dias castigos por tagarelar coma vizinha e olha não deixei de me tornar prof, certo???!! LOL

é complicado, mas se deres "trabalho" e responsabilidade a um miudo , ele vai estar mais sossegado , pois estarà concentrado na tarefa e nao na tagarelice!

Tem calma, a gaijita so tem 6 anos!!

Maria do Consultório disse...

Se a prof. dá feeddback não é por ser chata, é por querer fazer bom trabalho, isso é óvio,certo? Se ela não ganhar bons hábitos (o saber ouvir é importantíssimo) a partir de agora, mais dificilmente os interiorizará no futuro...
A tua atitude relativamnete a essas "queixas" é que tem de ser incisiva, caso contrário, ela não perceberá a importância e a relação entre a escola e a vida fora dela...Fiz-me entender?:)
A questão que se coloca não é a castração da curiosidade (ou a anulação da personalidade)), mas a criação de bons hábitos.

Vá, beijos, e de certeza que vais resolver bem isso...

marta disse...

Eu, professora, me confesso: não sou de fiar!

Se calhar criava um clube de notícias e metia essa e mais umas quantas a dar as novidades no início do dia.

Ao menos ficava logo a conversa em dia, e de certeza que se conseguiam boas histórias para trabalhar a Língua Portuguesa, ou dúvidas para esclarecer com o Estudo do Meio ou a Matemática!

Queres falar, cachopa? Fala!

Tulaunia disse...

ai R.... eu era tal e qual :D e fui assim até à faculdade :D

Dreamer disse...

Na minha altura não havia bolinhas... mas existiram sempre recadinhos a dizer que eu estava sempre a falar. Epá... faz parte da essência da criança. Mas é óbvio que a professora tem que fazer o papel dela e tentar que ela fale menos e se concentre mais. Mas não stresses com isso :-)

Anónimo disse...

禮服酒店 酒店上班
打工兼差 台北酒店 酒店
酒店兼差 酒店打工 酒店經紀 酒店工作 酒店PT 酒店兼職
酒店喝酒 酒店消費