Lilypie Kids Birthday tickers Lilypie Fifth Birthday tickers

agosto 22, 2007

Recuerdos das Férias

Estava num apartamento fixe num grande condomínio com uma grande piscina e outra pequena para as R’s. Tinhamos estacionamento privado na garagem e mesmo à porta do elevador. Bastava atravessar a estrada para estar na praia... O que se pode querer mais??? Só uma Sra. lá em casa para cozinhar, lavar a loiça e fazer as camas. Mas felizmente tenho um Sr. Marido que foi o cozinheiro de serviço (não fiz uma única refeição durante 15 dias) e o resto fez-se na boa.

Os espanhois têm algumas manias que me irritam solenemente como comer as malditas pipas e deixar o areal coberto com as cascas mas até são uns gajos porreiros e sabem levar bem a vida. Também falam alto e fazem um grande escagaçal por onde passam mas no compto geral são bem educados pois tanto os mais pequenos quanto os maiores nos abriam a porta para entrarmos assim como nos cumprimentavam com um Hola ou Buenas (se calhar não sabiam que somos tugas).

Têm a gasolina muito mais barata (abastecemos o depósito e poupámos 15€) do que nós e cada vez que passávamos pela bomba em Ayamonte era só ver as filas de carros tugas à epera para abastecer. Os nossos conterrâneos que vivem perto da fronteira são uns felizardos. O mais caricato é que as gasolineiras são também elas tugas...
O contrário do que acontece em Portugal pricipalmente no Algarve, as lojas não estão abertas até às tantas da noite, eles não estão p’rái virados e no dia 15 (feriado) as grandes superfícies comercias estavam fechadas ao contrário das nossas que estavam todas abertas.

Fizeram uma festa de confraternização no court de ténis do condomínio, uma coisa à maneira com direito a bebidas grátis e um conjunto a tocar para a malta dançar. Foi no dia da Super Taça e o Sr. Marido quis ficar em casa a ver o jogo, eu resolvi ir dar uma volta e beber um cafézinho (até o cafézinho – leia-se expresso, está melhor do que há uns anos trás que parecia uma água de lavar chávenas) a festa estava animada e por isso resolvi dar lá um salto com elas só para espreitar. Escusado será dizer que só consegui de lá sair quando o conjunto fez um intervalo porque tanto elas como eu nos pusemos a dançar. Nessa altura resolvi então ir lá fora beber o tal café e depois passei por casa para deixar o carrinho da D.Rn e a mala e voltámos para a festa. O Sr. Marido foi lá ter quando acabou o jogo. Só de lá saímos já quase à 1 da matina. O pior foi quando tocaram uma Sevilhana para a gente dançar, tive que me render às evidências, ficar quieta no meu canto e deixar a pista para os profissionais...

Também tinham um prof. de natação na piscina da parte da tarde e um salva-vidas, uma coisa bem organizada.

Havia tugas por todo o lado, nas compras, na praia, lá no condomínio, até uma colega de trabalho lá encontrei.
Pergunta tóina que ela me fez:
- Olá! Então estás aqui de férias?
Não, vim a trabalho (foi o que me apeteceu responder).
Na Isla Canela, ao pé da praia, com a família, ar bronzeado e em pleno mês de Agosto só podia mesmo estar em trabalho...

12 comentários:

Para sempre, Maria disse...

Eu ensino-te a dançar sevilhanas. Para o brilharete do ano que vem.
beijo

Alecrim disse...

Tb quero ir trabalhar contigo...lol

migvic disse...

Devias ter dito:

Não seu burro, trabalho no Jardim zoológico e vim aqui para te buscar.

Miss Alcor disse...

Bem, parece um bom sítio sim senhora!
Bem organizadinho e sossegado...
Boas férias!!!

Quanto ao comentário final: sim, só podia ser mesmo trabalho!

Menina do Rio disse...

Passei pra conhecer teu blog. Tenho uma filha que mora em Sintra.

beijinhos

Cris disse...

Isla Canela? vou registar...

um beijinho muito grande e muito obrigado pelas palavras de aconchego que deixaste em terra.

Cris

Sónia disse...

Gostei do li!! Ora ai está um belo sitio para a familia Pulga ir para o ano!! Vamos ver!! Deve ser melhor que o Algarve!!

Diabba disse...

A trabalhar na Isla Canela?? És uma workaolik!!!(ok, deve estar mal escrito)
E não aproveitaste para te baldares ao trabalho nem nada?? hihihihihihihi

Vou ctg fazer o curso de sevilhanas que a Maria vai ministrar.

beijos d'enxofre

maria cunha disse...

ora um trabalho desses era coisa que não me importava de ter ;)

beijinho

Rita disse...

Mariazinha,
Sempre quis aprender Sevilhanas. Estás um bocadito longe para aí ir assim com alguma assíduidade praticar mas nada que o meu sistema de teletransporte não resolva. Logo às 16.00h está bom p'ra ti?
Jokas

Alecrim,
Bem, não me posso queixar do meu trabalhinho mas ainda não cheguei ao ponto de levar o pc (no office não tenho portátil) para o areal. Às vezes bem apetecia...
Jokas

Mig
Sabes, eu até gostava de trabalhar no jardim zoológico e gosto muito de burricos por isso não ía ofender o animal...
Jokas

Miss Alcor,
Foram mesmo umas boas férias.
Quando vinha embora só pensava:
- Para o ano, se não puderem ser melhores, que sejam tão boas como foram estas...
Jokas

Menina do Rio
Espero que ela esteja bem, depois do susto de ontem com o fogo...
Jokas

Cris,
Acho que é o lugar ideal para ir com a canhalha miúda, até porque não há nada para fazer à noite.
Espero que as coisas estejam melhores...
Jokas

Sónia,
Sim, acho que a pulguinha ía gostar é bom e longe da confusão do Algarve nesta altura do ano...
Jokas

Diabba,
Deus me livre de alguma vez vir a ser Workaoli"c" (fui pesquisar, claro). Inscrevo-me logo nos WA. Se bem que trabalhar assim na praia...
Em relação ao curso com a Mariazinha, tens o teletransporte a funcionar? A escola de dança dela ainda fica longe. Combinei com ela às 16.00h!
Jokas

Muaria,
Nem eu minha amiga, nem eu...
Jokas

O Profeta disse...

As manhãs vêm nas asas de um pássaro azul
No canto de uma doce e suave brisa
Desperto sol que no celeste viajou
No vago que resta de uma noite de magia


Bom fim de semana


Profético beijo

Peste disse...

pois eu onde estive não havia tugas... e os bois dos espanhois q lá haviam ( só os empregados de serviço) irritaram-me imenso por não fazer um esforço para nos entender, se fosse inglês na boa... agora o tuga q até é parecido e aqueles empacados recusan-se...