Lilypie Kids Birthday tickers Lilypie Fifth Birthday tickers

agosto 21, 2008

R InteRRompendo a emissão para um comunicado impoRtante

Atendendo aos acontecimentos de ontem e ainda no que diz respeito às férias.

Fiz Lisboa/Barcelona e Barcelona/Lisboa pela TAP e Barcelona/Palma e Palma/Barcelona pela Spanair e devo dizer que a Spanair está a anos luz da TAP ou pelo menos aquele avião e a tripulação. Só a diferença nas aterragens, com a Spanair parecia que íamos numa chocalheira de tal forma o aparelho vibrava e abanava.

Se o que aconteceu ontem tivesse acontecido dias antes de começarem as minha férias não sei se ía na mesma. Não tenho medo de andar de avião antes pelo contrário gosto bastante e acho mesmo que é um meio de transporte dos mais seguros. O senão é que se um automóvel tem uma avaria há hipótese de encostar e parar enquanto com um avião isso é impossível mas por outro lado bem vistas as coisas o que faz mais impressão é o número astronómico de mortes enquanto num carro vão quanto muito 5 pessoas.

O que é certo é que até me arrepiei quando soube que tinha sido um voo da Spanair...

A emissão segue dentro de momentos (ou dias).

11 comentários:

Shakti disse...

É muito natural essa tua reacção ...afinal estiveste num avião daquela companhia ...

bjs

miguelpontocom disse...

Quando fui a Cuba estive 14 horas no aeroporto de Madrid por causa de uma avaria no avião.

Tiveram que fretar um vindo de Londres.

São umas latas velhas que já deviam estar na reforma comparando com a idade dos carro.

Estatisticamente é mais seguro andar de avião do que de carro, mas estatisticamente também é mais difícil sobreviver a um desastre de avião do que de carro.

As fotos?

Não há fotos?

Mo disse...

Isto pode parecer absurdo, mas quando li a notícia aqui, lembrei-me de ti, porque tinha lido o teu primeiro relato há pouco tempo.

Nunca andei de avião, mas não me parece que tenha medo de o fazer, mas é óbvio que estas situações nos deixam com um nervoso miudinho...

Atever disse...

Ah mas a TAP é uma companhia seguríssima que não descura a manutenção nem sobrecarrega os horários dos pilotos. O problema é que a TAP, ao associar-se a empresas deste género, está apenas a passar o trabalho sujo para outras companhias.
Ou seja: Em teoria, viajar na TAP é bem mais seguro e bem mais caro do que nas companhias de baixo custo mas na prática os passageiros pagam aos preços da TAP e acabam por ir cair nas malhas das muitas Spanair que há espalhadas pelo mundo fora.
Pelo que nos é dado verificar por este acidente é que, hoje em dia, é tão perigoso viajar nas companhias de bandeira como nas de voos de baixo custo, já que o preço que se paga pela segurança não passa de uma aldrabice.
É esta política economicista, que permite a criação destas espeluncas, a responsável pela falência das empresas sérias que, ou não resistem aos preços baixos das espeluncas, ou se vêem na contingência de terem de se associar a elas, mantendo o bom nome mas pondo os passageiros a correr os mesmos riscos por preços bem mais elevados.
A tua experiência é a prova disto mesmo. Saíste num voo da TAP e não acabaste espetada numa encosta (o diabo seja cego surdo e mudo), no meio de ferro retorcido, porque não calhou.
Cambada de vigaristas, que não têm um mínimo de respeito pela vida de quem lhes sustenta os luxos.
Beijinhos.

Gonçalves disse...

Sabes de onde vem o meu terror de esperar pela entrada num avião, descolar, aterrar e finalmente descansar, cá fora? De 1977 e ter viajado quinze dias antes (até à Madeira) no único avião da tap que caiu até agora e ainda por cima no Funchal.
Depois acaba a viagem e respira-se fundo a pensar que até foi engraçado.
;-)

Tulaunia disse...

Assim que vi as notícias pensei logo em ti R. Fiquei arrepiada :(

Sónia disse...

Eu assino por baixo do comentário do Atever!!!!

medusasss disse...

AAAAAAAAAAaiiiii!

Eui nunca viajei pela Spanair, foi sempre pela TAP e pela Ryanair...

Opah...

Meeedooo...

Mas tu estás bem! Buenno!

*** e continuação de boas férias

pensamentosametro disse...

Juro que me lembrei logo, logo de vocês.

Bjos


Tita

Rita disse...

Shakti,
É assustador pensar que podia lá estar com as minhas Rs...
Jokas

Mig,
És um chato do caraças...
Jokas

Mo,
É verdade principalmente quando voamos com os filhos, ficamos sempre com um "je ne sais quoi"...
Jokas

Atever,
Por acaso no meu caso nem foi bem assim eu comprei os voos baratinhos pela Spanair e fiz metade da viagem pela TAP mas tens razão os aviões são uns cacos velhos e chocalham por todo o lado...
Jokas

Gonçalves,
Por mais descontraida e menos nervosa que uma pessoa esteja quando aquilo aterra BEM é sempre um alívio...
Jokas

Tulaunia,
É engraçado como nos lembramos uns dos outros mesmo sem nos conhecermos...
Jokas

Pulga,
Também eu...
Jokas

Medusasss,
Pois, a TAP ainda vai que não vai agora as outras companhias com nomes complicados e desconhecidos...
Jokas

Tita,
É o que faz estas "amizades" blogosféricas...
Jokas

Thunderlady disse...

Deve mesmo ter sido arrepiante lembrares-te que tinham feito há poucos dias uma viagem nessa companhia.

Com esse acidente vieram pôr em causa a segurança nas companhias low-cost e fiquei apreensiva. Até hoje só voei na TAP e em junho que vem vou a Inglaterra numa low-cost e olha que me pôs a pensar...!

bjinho