Lilypie Kids Birthday tickers Lilypie Fifth Birthday tickers

julho 03, 2007

Retenção de importância

Como em retenção de líquidos ou na fonte (sempre coisas negativas)

Ontem estava a adormecer a D.Rn no sofá da sala enquanto via o “Um Contra Todos”, não é costume mas ontem proporcionou-se. Às tantas ficaram só dois adversários e o Malato pergunta ao concorrente se quer falar com eles, ele diz que sim:
- Então como é que te chamas? Posso tratar-te por tu?
-Sim, claro. Chamo-me tal e coiso (não decorei).
-Então e de onde vens?
-Venho de Lisboa, mas também já andei por vários sítios, nunca estive no Luxemburgo (onde o concorrente tinha vivido) mas andei por aí.
-Então e por onde? (pergunta o Malato pois estava-se mesmo a ver que o Sr. queria falar sobre isso)
-Ah e tal e estive a trabalhar (penso que foi isso que ele disse) em Washington (que bem) estive a fazer um estágio em Évora e fui fazer o MBA em Madrid!
E disse isto tudo muito inchado e cheio de empáfia...
Mas que importante que o Sr. é! Alguém lhe perguntou alguma coisa? A pergunta era única e exclusivamente “De onde vens?”. Uma pergunta tão simples e que requeria uma resposta igualmente simples... Há pessoas que têm mesmo a necessidade de dizer estas coisa para se sentirem importantes.

8 comentários:

migvic disse...

O malato tb é um bocado abusador

Maria Cunha disse...

realmente... ridículo! mas o malato incentiva estes comportamentos...


beijinho

Diabba disse...

ahahahaha... sabes, fora do meu trabalho nunca digo qual é a minha profissão (e no meu trabalho não preciso dizer, não é??)... por isso um dia escangalhei-me a rir quando estava a falar com um "tonho" que não estava a conseguir rebater os meus argumentos (não me lembro do mote da discussão), então saiu-se com esta pérola:
"mas que pensa?? eu tenho o 12º ano, não sou um qualquer!"

ahahahahahaha

Já conheci tta gente com a 4ª classe que metia este "catedrático" num bolso...

Complexos...

beijos d'enxofre

alfabeta disse...

Este malato por vezes é um pouco parvo, abusa das pessoas.

Azul disse...

Sim,o malato,sempre que pode,ajuda á festa.
Eu até gosto da figura,mas confesso que ele tem um certo gosto em ridicularizar as pessoas,pelo menos aquelas que estão dísponiveis para tal.E esse sr. estava mortinho para se ridicularizar...

Para sempre, Maria disse...

Pois, também vi. Enfim...estou como a Diabba. A minha mãe com a 4º classe metia-o no chinelo!TONHÓ!

beijo

Sónia disse...

Não podia perder a oportunidade, né!??!

Ao fim ao cabo estava na TV!!!!!

Eskisito disse...

Eu não sei se já mencionei, mas estagiei numa terra chamada Alagoa, perdida no Alto Alentejo. E, não tirei nenhum MBA, porque acho que coisas com siglas são do demónio.
Mas, o Malato é o primeiro a dizer que axincalha povo que vai para lá com a manoa que é alguém.