Lilypie Kids Birthday tickers Lilypie Fifth Birthday tickers

maio 23, 2007

Retroceder

Noutro dia a D.Rn estava a fazer Zapping na TV delas quando parou num canal que estava a passar um filme a preto e branco. Diz a D.Rf: - Mamã o que é que aconteceu com a minha televisão está estragada? Porque é que está tudo tão escuro?

Pois é, a minha filha não sabe o que é televisão a preto e branco.
O meu chefe contou-me que também a filha dele um destes dias em casa da avó ao deparar-se com um daqueles telefones onde tinham literalmente que se “discar” os números ficou sem saber o que fazer.
E as cassetes de música, e osdiscos de vinil, e os “guelas” (vulgo berlindes), e os candeeiros a petróleo (quando faltava a luz), e as botijas do gás (bem estas à pala da menina da Galp ainda vão sabendo o que é), e aqueles protectores de pele que se punham nos joelhos das calças (para durarem mais tempo – agora no mínimo seriam fashion) e tantas outras coisas que não vão saber nunca tipo: xarope de cenoura (noutro dia fiz mas ela nem quis experimentar), óleo de fígado de bacalhau (esta ainda bem que não sabem o que é, blhac!)

Esqueci-me de dizer que voltei a fazer um bolo no Sábado (bolo de iogurte) e está muito fixe. A. D.Rf e o Sr.Marido já quase acabaram com ele, e se ele era grande... Qualquer dia estou feita Vovó Donalda a pôr o pratinho com o bolo no parapeito da janela para ele arrefecer.

e os livros do Pato Donald...

8 comentários:

Ana disse...

Pois é... a realidade deles é bem diferente. Para melhor em algumas coisas, mas bem pior para outras. Brincar na rua que é bom... nem pensar!!!Etc, etc, etc...

Beijocas

Cris disse...

Os livros do Tio patinhas.....saudades.

é, eles tem uma realidade bastante diferente, melhor sem dúvida, pior? concerteza!

Bjo
C.

Eskisito disse...

Ao ver o Conta-me como foi, lembrei-me do melhor brinquedo do mundo na minha infância, que me ocupava horas e horas: uma carica. Qualquer dia já nem sequer existem.
Beijos.

Alecrim disse...

A cada geração de infantes, as suas ignorâncias. Quando eu era pequena, havia, no café da aldeia, um televisor cujo écran estava sempre protegido por uma espécie de acetato de 3 cores: amarelo, verde, azul. Julgava eu que aquilo era uma televisão a cores...

Sónia disse...

E tu sabias que já há óleo de fígado de bacalhau com sabor a laranja?!?!!?

Ah pois é!!! Modernices!!!

Para sempre, Maria disse...

Há dias andava com uma tosse estúpida que só ela...pelo que decidi fazer o xarope de cenoura. Pois, a questão éque aquilo tem de ser feito com açucar mascavado.Não havia disso cá em casa, pelo que emborquei o belo do Latussan pela goela abaixo. Brhleg!

Diabba disse...

ahhhh (olhando em volta)
olha um Inferno doméstico!!
hihihih, os putos hoje em dia não têm imaginação, eu de qualquer coisa fazia um brinquedo, era uma princesa com uma magnifica carteira... feita com um pacote de leite Agros!

beijo d'enxofre

Peste disse...

lol

acredita...

eles já nasceram na era futorista... qualquer dia estão a dar-nos lições a nós do funcionamento das "cenas" porque somos muito "ultrapassados".

:S

beijos